Moto Elétrica – Emissão ZERO de gases poluentes

Zero FX Stealth Fighter 2013

A conhecida moto elétrica nem bem chegou e já traz novidades, cada vez mais observamos que as motos da chamada tecnologia verde começam à adentrar novos terrenos.
Recentemente noticiamos aqui no Best Riders, que a própria Zero Motorcycles já possui modelos elétricos voltados para uso policial. Agora temos essas motos, entrando em outro segmento, na trilha dos esportes relacionados as motocicletas, outra montadora que também desbravou essa possibilidade é a KTM, com o modelo KTM Freeride-E.

O modelo da Zero FX Z2.8 conta com uma bateria selada, já o modelo FX Z5.7 possui 2 baterias, que podem ser recarregadas em até uma hora, nos postos preparados para esse tipo de alimentação, elas também possuem o plug de alimentação padrão para carregamento da bateria em casa.
Características técnicas: motor de 44 cv, peso de 106 kg para Z2.8 com um módulo e 125 kg para Z5.7 com dois módulos de bateria, autonomia de 4 e 8 horas, respectivamente. Transmissão automática, freios nissin de pistão hidráulico , suspensão off e on-road (cidade e fora de estrada), tempo estimado de carga é de uma hora, aproveitamento inteligente da utilização do freio para recarga da bateria, rodas: aro 21, medida 3.00 na dianteira, aro 18, medida 4.10 na traseira. Preços: FX Z2.8 U$9,495.00 e FX Z5.7 U$11,990.00.

Zero FX Stealth Fighter 2013
Além de silenciosa, motor livre de manutenção, econômica e bonita, essa moto ainda possui tecnologia bluetooth, qual possibilita a configuração do modo de pilotagem, através do celular ou outros aparelhos bluetooth.

Escolha o seu caminho: seja trilha, seja cidade, carregue sua bateria e siga de consciência limpa!

Assista o vídeo de lançamento da Zero FX Stealth Fighter 2013



Fonte: Best Riders

Guia do Trânsito – Calibragem dos pneus

The video cannot be shown at the moment. Please try again later.


Fique sabendo quando você deve checar a calibragem dos pneus do seu carro
calibrar-pneu

Guia do Trânsito – Recapeamento de asfalto mal feito prejudica o trânsito


Os motoristas das grandes cidades devem ficar atentos ao recapeamento das ruas. Eles criam buracos próximos a bueiros e pode prejudicar o estado do carro e causar acidentes.

Guia do Trânsito – Troca de pneus

Pneus
Fique Sabendo quando você deve trocar os pneus do carro.

Milhares de motociclistas em uma peregrinação radical na Guatemala

motos-GuatemalaMotociclistas da Guatemala realizam todos os anos uma peregrinação à Basílica de Esquipulas, onde está abrigada a imagem do Cristo Negro. A tradição já dura 52 anos e atrai cerca de 35 mil pessoas. Eles saem da Praça da Constituição, na cidade de Guatemala, e percorrem cerca de 190 quilômetros até Esquipulas, na chamada “Caravana del Zorro”.

 

 

 

Nova BMW R 1200 GS 2013

A moto chefe “BMW R 1200 GS 2013″da divisão de motocicletas da BMW chegará às lojas em 2013, equipada com refrigeração líquida. A nova R 1200 GS foi totalmente redesenhada para o próximo ano.

Mas, a maior revolução está no novo motor que conta com um sistema de refrigeração que a fábrica declara ser bem parecido com o anterior, continuando a usar o ar para ajudar no resfriamento do motor mas, em vez de óleo, agora utilizando uma mistura de água e glicol em dois pequenos radiadores.


Já o sistema de alimentação agora está instalado na vertical, bem em cima dos cilindros e não atrás como na antiga versão. O câmbio está integrado no bloco e a embreagem passou a ser banhada em óleo.

São dezenas de outras alterações que segundo a marca bávara elevaram a potência de 110 para 125 cv, além de deixá-la mais econômica e menos poluente. Ela ainda ganhou 5 mapas diferentes de gerenciamento eletrônico, nova calibragem eletrônica de suspensões, novo quadro, novas pinças de freio e pneu mais largo na traseira. E, evidentemente, o visual foi inteiramente revisado para manter a R 1200 GS como a rainha desse segmento.

Horex VR6 Roadster entra em produção

A Horex VR6 Roadster, apresentada no Salão de Colônia, Alemanha de 2010, ainda como protótipo, volta ao mesmo evento em 2012, mas agora como moto de produção. Os engenheiros da fábrica alemã, sediada em Augsburg, inicialmente queriam que o motor de 1200 cc fosse sobre-alimentado através de compressor volumétrico, mas os executivos da marca decidiram, no primeiro momento, manter o motor com alimentação atmosférica convencional e injeção eletrônica.

O motor em V a 15˚ gera aproximadamente 150 cv – pode chegar a 200 cv com o compressor – e tem torque de aproximadamente 15 “quilos”. Chassi e monobraço em alumínio, sistema de freios com pinças radias – da italiana Brembo – suspensão dianteira invertida e totalmente regulável completam o pacote técnico.

Segundo Clement Neese, da Horex, inicialmente o modelo será vendido na Alemanha, Áustria e Suiça, mas em 2014 poderá ser oferecida na Itália e outros países, conforme o interesse. O preço sugerido desta Horex é de 21 700 euros, pouco mais de 54 000 reais.

 

 

Audi A1 Sportback começa a ser vendido na segunda quinzena de setembro

A Audi está divulgando a tabela de preços do mês de setembro, já com o valor do novo A1 Sportback, a versão do hatchback de entrada da marca que conta com quatro portas. O lançamento estará disponível para compra a partir da segunda quinzena deste mês e chega ao Brasil em duas versões: Attraction e Ambition. A versão Attraction, que conta com motor 1.4 turbo FSI de 122 cv, terá preço especial de lançamento de R$ 94.900. Segundo a marca, o preço normal de tabela é de R$ 99.900.

Com aparência mais esportiva, o Audi A1 Sportback Ambition será comercializado por R$ 114.900,00. Equipado com motor 1.4 TFSI de 185 cv, que traz o inédito sistema de funcionamento com compressor Rotts e turbo, o A1 Sportback Ambition acelera de 0 a 100 km/h em apenas 7 segundos e tem velocidade máxima de 227 km/h.

Fonte:Ig

Venda de motos cai 16,1% em agosto

As vendas de motocicletas somaram 170.868 unidades ao mercado interno em agosto, baixa de 16,1% ante o total de 203.711 unidades vendidas em agosto do ano passado, mas uma alta de 97% sobre as 86.757 unidades de julho deste ano, informou nesta terça-feira a Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo). A produção de motos chegou a 178.084 veículos, queda de 18,2% ante as 217.642 unidades de agosto de 2011 e alta de 134,8%, sobre as 75.837 unidades de julho.

Segundo a entidade, apesar da disparada nas vendas e na produção nos últimos dois meses, o mês de julho foi atípico, por conta das férias coletivas nas montadoras, que impactaram no desempenho do setor. As vendas de julho foram as piores desde dezembro de 2008 e a produção desde janeiro de 2009.

“A comparação entre agosto de julho deste ano não reflete a realidade do segmento de motocicletas no País. Os números continuam em queda com relação ao ano anterior, seja na análise mês a mês ou no acumulado do ano. Apesar desse crescimento em produção e vendas internas (para as concessionárias), de julho para agosto, as vendas ao consumidor final ainda estão estagnadas”, afirma Marcos Fermanian, presidente da Abraciclo. A restrição ao crédito, que reduz a liberação de financiamentos, segue como o principal inibidor das vendas, segundo Fermanian.

As vendas de motos ao consumidor final somaram 140.620 unidades em agosto, queda de 22,5% sobre as 181.539 unidades de agosto de 2012 e leve alta de 1,6% sobre os 138.472 veículos emplacados em julho deste ano, segundo a Abraciclo. No acumulado de janeiro a agosto, 1.127.622 motocicletas foram emplacadas, queda de 10,5% ante igual período de 2011, quando o total emplacado chegou a 1.259.835 unidades.

A MV Agusta apresentou no dia 26, em São Paulo, a única edição da F3 Serie Oro da América Latina

A MV Agusta apresentou no dia 26, em São Paulo, a única edição da F3 Serie Oro da América Latina. É certo de que trata-se de um dos centros das atenções do momento, pois é uma belíssima máquina, de qualidade e design renomados, além de ser sonho de consumo de muitos motociclistas do Brasil e do mundo.

A moto apresentada é a número 74, de uma série limitada a apenas 200 unidades, adquirida pelo valor de R$170 mil por um colecionador de São Paulo. Esse fato a torna a motocicleta mais cara já vendida em solo brasileiro. E não adianta mais sonhar, pois todas as demais 199 unidades já foram vendidas e certamente estão sendo ansiosamente aguardadas por seus proprietários.

Disponível na cor prata/vermelho e com o já consagrado design da marca MV Agusta, a F3 Serie Oro conta com motor três cilindros de 675cc, detalhes em dourado, peças em fibra de carbono, suspensão e amortecedor de direção Öhlins, pinças dianteiras em monobloco, pedaleiras do piloto ajustáveis, banco em couro e placa de identificação em ouro com o número de série da moto. O proprietário também ganha um kit especial, que remete aos pistões do motor da motocicleta, contendo a chave, o certificado de autenticidade e pendrive com o manual.